Siri-Ará

Categoria: Longa-metragem
Gênero: Ficção
Ano: 2008
Duração: 90min
Bitola Final: 35mm
Cor: Colorido
Sinopse: Cioran é um mestiço brasileiro que, depois do exílio, resolve voltar ao sertão, em busca da sua origem e da história do seu povo. Por guia, ele toma a figura misteriosa de uma velha índia.  O destino de Cioran, que vive um novo exílio na nação real/imaginada, cruza com os guerreiros do reisado e os índios da banda de pífanos, grupos de folguedos dramáticos populares que vagam pelo sertão. Os conflitos entre o Reisado e a banda de pífanos nos remetem à tragédia fundadora do Ceará; quando Dom Pero Coelho, no ano de 1603, em busca do Eldorado, encontra a guerra, a peste, a fome e a loucura. O filme Siri-Ará é uma "visage" sobre os encontros e desencontros de "mundos" que marcam a invenção da nação brasileira.
Roteiro: Rosemberg Cariry
Diretor: Rosemberg Cariry
Diretor de Produção: Petrus Cariry
Empresa Produtora: Iluminura Filmes
Diretor de Fotografia: Pedro Urano
Trilha Sonora: Liduíno Pitombeira
Elenco/Entrevistados: Adilson Maghá, Everaldo Pontes, Erotilde Honório, Majô de Castro, Juliana Carvalho, Richele Viana.
Classificação: Sem classificação
Participações em Festivais: - 41º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro (2008).
- 19º Cine Ceará- Festival Ibero-Americano de Cinema – Exibição Especial - Encerramento (2008).

País: Brasil
Local de Produção: Ceará
Divulgação:

Comentários estão fechados