Assembleia sedia seminário e II Mostra de Cinema Infantil do Ceará

al-ce_cinemainfantilA Assembleia Legislativa sediou nesta segunda-feira (14/10), no auditório Deputado João Frederico, no Anexo II da Casa, o II seminário de Políticas Públicas para Crianças e a II mostra de Cinema Infantil do Ceará, produzidos por meio do projeto Estrela Criança. Trazendo o tema A Cidade e a Criança, o projeto tem como objetivo discutir os desafios atuais da situação da criança no Ceará, visando apresentar subsídios para os administradores municipais.

A iniciativa é do Instituto Stela Naspolini, com as parcerias da Assembleia Legislativa, através da Universidade do Parlamento, e da Secretaria de Cultura do Estado do Ceará, Secretaria de Educação do Estado, União dos Dirigentes Municipais de Educação do Ceará (Unidime), Associação para o Desenvolvimento dos Municípios do Ceará (APDMCE), Associação dos Prefeitos e Municípios do Ceará (Aprece), Associação dos Municípios do Maciço do Baturité e Editora Saraiva.

O presidente do Instituto, Antenor Naspolini, explicou que a Mostra de Cinema Infantil, é feito há dois anos em 109 municípios e este ano em 140, “beneficiando 250 mil crianças”. Além destes municípios, 22 instituições, entre escolas particulares, aderiram ao projeto. Cada município ou entidade que se inscreve tem obrigação de apresentar filmes de curta-metragem feitos para crianças e adolescentes “em ambientes de cinema: sala escura, telão e com pipoca”. “O cinema tem grande força de inclusão social e poder de levantar o astral, pois as crianças vibram, cantam, aplaudem”, pontuou.

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, enalteceu o trabalho desenvolvido pelo Instituto. “É uma causa muito nobre essa de garantir os direitos da criança, e que está inspirando os municípios cearenses a assumirem esse desafio”, disse. O prefeito afirmou que Fortaleza é uma cidade de muitos contrastes, onde se vê ainda menores abandonados, em estado de pobreza e, muitas vezes, entregues às drogas, mostrando, segundo ele, a necessidade de maior atenção por parte das autoridades. “Precisamos gerar consciência de que se nós não cuidarmos bem de nossas crianças não estaremos cuidando de nossa cidade”, disse, defendendo a união de forças e parcerias.

Roberto Cláudio destacou o esforço de sua gestão em investir cada vez mais para garantir o acesso a creches e escolas. Segundo ele, além da duplicação do número de vagas nas creches, a prefeitura vem investindo em ensino de tempo integral para alunos na faixa de 11 a 14 anos com a construção de 29 escolas em tempo integral.

A ex-prefeita de Florianópolis, Ângela Amin, mostrou experiências exitosas desenvolvidas há mais de 16 anos na Capital de Santa Catarina, que conseguiu reverter a mortalidade infantil no município. Entre as ações, mencionou a ação prioritária do atendimento às gestantes durante os nove meses de gestação; garantia dos exames e o acompanhamento do pré-natal do momento do parto e o atendimento prioritário até um ano de vida.

Durante o evento, foram exibidos pela manhã os curta-metragens produzidos pelos municípios de Farias Brito e Tianguá.

Entre os presentes, estavam ainda prefeitos de Tianguá e Acopiara, Jean Azevedo e Lúcia de Fátima, respectivamente; o secretário Adjunto da Secretaria de Educação do Estado, Maurício Holanda. O evento segue até às 17h. O evento segue até às 17h.

Fonte: AL/CE.

Comentários estão fechados